São Vicente na televisão: TCV e TIVER só na badiu pa modi ?

09-06-2011 14:26

 Os sãovicentinos estão descontentes com a falta de visibilidade de São Vicente nas televisões. A centralidade na Praia, a falta de notícias e programas de São Vicente e o facto de usarem apenas a variante de Santiago do crioulo, são as principais queixas

 

 

Os sãovicentinos estão descontentes com a falta de visibilidade de São Vicente nas televisões. A centralidade na Praia, e a falta de notícias e programas de São Vicente, como aponta os entrevistados estão na base deste descontentamento.

Os entrevistados estão de acordo que a ilha precisa ser mais retratada em todos os aspectos. Laciliano da Cruz diz que a cobertura dos canais é fraca porque não abrange todos de forma igual. Regionalizando, Manuel Delgado é da opinião que a ilha de São Vicente está longe de ser retratada nas televisões. Jorge Lima deixa uma pergunta que se “São Vicente não aparece na televisão imagina as outras ilhas?”.

Roni Delgado, desabafando sobre o tema diz que as programações são centralizada na Praia. Nesta mesma linha de pensamento diz que tudo é Praia e conclui dizendo que “muitas actividades e coisas boas são feitas nas outras ilhas mas só que não tem espaço para serem passadas nos canais de televisão”.

A Praia é acusada de dominar em tudo, notícia, programas e também na língua. Porque muitos programas são em “badiu”. Miriam dos Santos reclama que muitas vezes a língua constitui um problema na compreensão e defende que muitas vezes faz-se necessário uso de legendas. Manuel Delgado afirma que são formas de comunicar diferente, um mais calmo e outro mas apressado e por isso, “quando falam crioulo se Santiago é um problema”.

Um canal regional

Se a ideia de um canal de nível nacional não está a agradar os entrevistados, um canal regional parece como um espaço, para os mindelenses, uma forma de mostrar a ilha e dar vida e voz. Manuel Delgado diz que este canal traria essa televisão e daria uma outra dinâmica a ilha, “porque as pessoas gostam de ver coisas a passarem na televisão do lugar onde estão inseridas.”

Francisco Delgado fala das notícias que andam somente de boca em boca e que é necessário traze-las para o público. E dá como exemplo o Noticias do Norte que tem procurado fazer esse trabalho. E afirma que um espaço televisivo regional onde este tipo de noticias tem espaço.

 

O julgamento do caso do encerramento a TVPulu veio reacender a revolta mindelense contra a programação da TCV e agora da TIVER que praticamente exclui e São Vicente E mais grave: o facto dos programas em crioulo serem todos na vertente de Santiago. Vários comentários NN exigem uma mudança desse cenário com este comentário que fala de dependência: